Criada pelo Banco Santander que promete oferecer produtos inovadores para contribuir com o financiamento da oferta de energia no mercado livre

O Banco Santander anunciou ontem, 2/10, o lançamento de uma comercializadora para atuar mais ativamente no mercado livre de energia elétrica no Brasil. O Santander é o primeiro banco de varejo a entrar nessa área, que já tem o BTG Pactual e outras instituições financeiras neste tipo de investimento.

De acordo com, o banco. A instituição espera conseguir, até novembro, as autorizações necessárias para começar a operar. “Estamos entrando nesse negócio para oferecer algo novo ao mercado livre. Com nossa expertise como banco de varejo, iremos ter um foco nos clientes, seja do ponto de vista de geração como de consumidores finais”, disse Rafael Thomaz, executivo da Comercializadora Santander.

A estratégia do banco não se limitará a operar na compra de venda de energia elétrica. O banco quer tomar risco e ofertar produtos estruturados para empresas que não conseguem recursos para financiar seus projetos no mercado livre. “Queremos trazer essa expertise para dentro do banco para poder precificar melhor não só os produtos financeiros que já ofertamos, mas outros que venham a surgir”, comentou o executivo.

“O negócio que estamos criando vai nessa linha e ao longo dos próximos anos vamos ajudar a desenvolver esse mercado, passando por outras áreas como o comercializador varejista e o mercado de gestão, que é pouco explorado”, concluiu Thomaz.

 

Fonte: Santander


 

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *