Nesta terça as instabilidades começam a enfraquecer no estado de São Paulo e uma massa de ar seco predomina na maior parte das áreas. O sol aparece mais e a tendência para os próximos dias é de uma elevação gradativa na temperatura.

Possibilidade de recorde

Os ventos de uma massa polar, levaram um ar mais frio para o estado na madrugada, por isso, muitas cidades podem ter registrado a menor temperatura do ano na madrugada. Na capital paulista o recorde de temperatura mínima atual é de 16,5°C, registrado em oito de janeiro pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) e é muito possível que este recorde tenha sido batido na madrugada desta terça, mas é necessário aguardar os registros oficiais do INMET para confirmar. A madrugada de quarta-feira ainda será marcada por temperaturas baixas no estado e, novamente, há possibilidade desse recorde ser alcançado.

Sol reaparece nesta terça

Apesar do amanhecer nublado, o sol reapareceu na Grande SP na manhã desta terça-feira. Algumas nuvens até vão se formar no decorrer do dia, mas o que vai predominar é o sol. Para hoje não há expectativa de chuva e a temperatura à tarde vai subir mais em relação á ontem(16). Veja como fica a temperatura na cidade de SP nesta terça

O interior do estado também segue sob predomínio de sol e a temperatura sobe aos poucos no decorrer desta semana. A maioria das áreas não terá chuva. Apenas no noroeste do estado que ainda está sujeito à algumas pancadas de chuva a partir da tarde, por causa das áreas de instabilidade que avançam do Centro-Oeste do BR, mas ainda assim, a chuva será isolada.

Acompanhe a previsão para os próximos dias

Chuva diminui no litoral

No litoral a chuva enfraquece, mas ainda não para. Ocorrem períodos de sol entre muitas nuvens e ainda podem ocorrer períodos de chuva fraca nesta terça-feira. Não há condições para chuvas volumosas como ocorreram no fim de semana. No entanto, como o solo está bastante encharcado, a população deve se manter atenta.


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *