Finalmente São Paulo terá o sol de volta e vai começar a esquentar novamente. Ventos do quadrante norte, vindos do interior do Brasil, voltam a predominar sobre o estado de São Paulo trazendo ar quente e úmido. A temperatura sobe, mas as pancadas de chuva também voltam e a semana termina com alerta para mais temporais.

Tarde de hoje será quente

nebulosidade diminui nesta quinta-feira, 22, em todo o estado de São Paulo. Com o sol aparecendo forte o vento quente, a temperatura sobe rapidamente. A tarde de hoje será quente. Na Grande São Paulo e no leste do estado, apesar do friozinho do amanhecer, o calor também vai predominar a partir do fim da manhã.

Pancadas de chuva

Por causa do maior aquecimento, nuvens carregadas voltam a crescer sobre o estado e provocam pancadas de chuva com raios à tarde e à noite. Pode chover com moderada a forte intensidade em alguns locais do norte e do oeste do estado, mas para a região da Grande São Paulo e para demais áreas paulistas, a chuva prevista para esta quinta-feira ainda não será motivo de alerta. A maior chance de chuva na Grande São Paulo é no fim da tarde, mas só deve chover em poucos locais.

Os paulistas vão sentir mais calor na sexta-feira e a temperatura se aproxima dos 30°C na capital paulista. As condições para chuva também aumentam.

Alerta no fim de semana

semana vai terminar com alerta para temporais no estado de São Paulo. A formação de um grande sistema de baixa pressão atmosférica entre o Paraguai, o Sul e o Centro-Oeste do Brasil e a chegada de outra frente fria ao litoral paulista, vão formar muitas nuvens carregadas sobre São Paulo no fim de semana. A chuva e os ventos poderão causar problemas em diversas regiões do estado.

A temperatura volta a baixar por causa do aumento da chuva e do aumento da nebulosidade.

Acompanhe a previsão para os próximos dias.

Por que a primavera está fria em São Paulo?

Muita chuva e novembro no Norte de SP

região norte do estado de São Paulo e o litoral foram as que receberam os maiores volumes de chuva em novembro, até agora. O total de precipitação acumulado em 21 dias supera os 300 mm em alguns locais como em Franca.

Somente entre 10 horas do dia 19 e 10 horas de 20 de novembro, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 127 mm sobre Franca, o maior acumulado neste período no país. Em 21 dias choveu cerca de 340 mm.  Em Ituverava já choveu quase 450 mm, mais que o dobro do normal. A média de chuva em novembro nesta região do estado em geral não passa dos 200 mm. No noroeste do estado, a região de Jales acumulou cerca de 220 mm.

Em algumas áreas de Ribeirão Preto choveu de 150 a quase 200 mm em 21 dias, pela medição do Cemaden – Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *