Resumo do Dia

Em mais um dia de volume recorde, a BBCE encerrou o pregão desta quinta-feira 30/08 com expressiva perda, devolvendo a forte alta registrada no dia anterior. Os oito contratos acompanhados pela Pontoon-e na BBCE e que compõe o Índice Pontoon-e de Energia registraram queda de -4,1% (média ponderada), puxados principalmente pelos contratos para entrega no 4º Tri/18 (-5,8%), Dez/18 (-5,2%) e Nov/18 (-5,1%). O contrato para entrega em Out/18 foi novamente o mais negociado do dia (419,9 MW médios), sendo responsável por 41,2% do volume total dos contratos acompanhados na BBCE. O movimento desta quinta-feira confirma a visão da Pontoon-e de que grande parte dos contratos já encontravam-se bem precificados

Pontoon-e | Variação do Índice Pontoon-e de Energia (Var. %) 
 
Fonte: Pontoon-e e BBCE

Pela primeira vez o volume diário negociado na BBCE ultrapassou a expressiva marca de 1 GW médio. Nesta quinta-feira foram negociados 1.019,1 MW médios, superando em muito o antigo recorde do mês de agosto registrado no dia 29/08, quando foram comercializados 731,8 MW médios. Com este novo recorde a média do mês de agosto subiu para 309,1 MW médios (341,4 MW médios anteriormente).

Pontoon-e | Volume Negociado na BBCE dos Oito Contratos (MW Médios)  
 
Fonte: Pontoon-e e BBCE

Dos oitos contratos negociados na BBCE e acompanhados pela Pontoon-e referentes ao submercado SE/CO (Ago/18, Set/18, Out/18, Nov/18, Dez/18, Quadrimestre Set-Dez/18, Bimestre Nov-Dez/18 e 4º Tri/18) e que compõe o Índice Pontoon-e de Energia, três contratos não registraram negócios nesta quinta-feira (Ago/18, Quadrimestre Set-Dez/18 e Bimestre Nov-Dez/18).

O “pregão” do dia 30/08 foi marcado por forte realização, com todos os contratos encerrando o dia no vermelho. As maiores quedas do dia foram os contratos para entrega de energia no 4º Tri/18 (-5,8%%), Dez/18 (-5,2%) e Nov/18 (-5,1%), que encerraram o dia 30/08 cotados a R$325/MWh (-R$20/MWh), R$247/MWh (-R$14/MWh) e R$337/MWh (-R$18/MWh), respectivamente.

O contrato de Out/18 (o mais negociado no dia), que chegou a ser negociado a R$411/MWh na primeira parte do dia, recuou para a mínima de R$387/MWh no início da tarde, se recuperando no fechamento.

Além destes contratos, dois outros contratos também encerraram o dia no campo negativo: (i) Out/18 (-3,7%): R$398/MWh (-R$16/MWh); e (ii) Set/18 (-3,3%): R$453/MWh (-R$16/MWh).

Os demais contratos não foram negociados.

BBCE | Preço dos Contratos de Energia SE/CO (R$/MWh)  
 
Fonte: Pontoon-e e BBCE

Comportamento da ENA | Apesar da elevação da ENA no submercado sudeste no mês de agosto (84,3% da MLT) em relação ao mês de julho (70% da MLT), os reservatórios localizados no sudeste continuam registrar acentuado deplecionamento (-0,30 p.p. no dia 30/08), acumulando queda de 1,60 p.p. ao longo dos últimos sete dias (média de -0,23 p.p./dia). Importante destacar que a ENA do submercado SE/CO relativa a 5ª semana operativa está em 79,1% da MLT, acima portanto da ENA estimada pelo o ONS para esta semana (74% da MLT).

ONS | Energia Natural Afluente SE/CO (%MLT)  
 
Fonte: ONS

Armazenamento | Os reservatórios do submercado SE/CO encerraram o mês de julho com 34,2% da sua capacidade, 5,9 p.p. acima do nível de 28,6% atingido nessa quinta-feira (30/08). Esse nível ainda está apenas 0,3 p.p. acima do nível que a quarta revisão do PMO de agosto de 2018 (para a Semana Operativa de 25 a 31/08) projetou para o final do mês (28,0% em 31/08). Isso indica que a previsão vai ser atingida se for mantido esse ritmo de deplecionamento de 0,30 p.p. por dia, que é ligeiramente acima do nível atual de deplecionamento diário.

Importante destacar o nível já atingido no mês de agosto, em 27/08, é inferior ao nível do início do mês de setembro no ano anterior (01/09/2017), quando o nível dos reservatórios no sudeste atingiu 32,1%. Ou seja, a situação atual é significativamente mais preocupante do que a do ano passado.

Abaixo apresentamos os gráficos onde acompanhamos a relação entre preço da energia e deplecionameto dos reservatório para os contratos para entrega de energia em Set/18 e Out/18.

Pontoon-e | Preço do Contrato Set/18 vs. Deplecionamento Diário (SE/CO)Fonte: Pontoon-e, BBCE e ONS

Pontoon-e | Preço do Contrato Out/18 vs. Deplecionamento Diário (SE/CO)Fonte: Pontoon-e, BBCE e ONS

Vai Chover?

A análise dos mapas de previsão de precipitação para o período de 01 a 10 de setembro efetuados pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos/Instituto Nacional de Pesquisas Espacias (INPE/CPTEC) e previstas a partir do modelo de previsão ETA para os próximos 10 dias indicam o avanço de uma frente fria no submercado sul entre os dias 01 e 03 de setembro, seguido por um período seco entre os dias 04 e 10 de setembro que deve acentuar o quadro hidrológico recessivo, principalmente nos submercados sudeste/centro-oeste, nordeste e norte.

Mapa de Chuva: GEFS & INPE / CPTEC (01 a 10/Setembro)

PMO (Agosto – 25 a 31/08) | Energia Natural Afluente (%MLT) 
Fonte: ONS

PMO (Agosto – 25 a 31/08) | Reservatórios: Estimativa para o dia 31/08
Fonte: ONS

Liquidez BBCE

No dia mais movimentado do mês até agora, a BBCE contabilizou um novo recorde no volume de energia negociada (considerando apenas a amostra dos oito contratos acompanhados pela Pontoon-e), 1.019,1 MW médios (731,8 MW médios registrados no dia anterior).

Diferentemente do observado ao longo das últimas semanas, desta vez a liquidez esteve uma pouco mais distribuída, embora o contrato de Out/18 ainda tenha concentrado boa parte da liquidez (419,9 MW médios), cerca de 41,2% do total negociado nesta quinta-feira.

Na sequência aparece o contrato de Set/18, responsável por 26,7% do total negociado na BBCE, com volume de 272,2 MW médios. Os contratos de Dez/18 e Nov/18, também registraram bom volume de negócios, 213,1 MW médios (20,9%) e 103,9 MW médios (10,2%).

BBCE | Volume Transacionado no dia 30/08 (MW Médios)
 
Fonte: BBCE

Preços, Assimetrias & Trades

Backdrop | A forte elevação dos preços observado ao longo dos últimos dias praticamente eliminou as assimetrias existentes. Neste sentido, a realização observada no “pregão” de ontem (30/08) está diretamente atrelada a ausência de opções de trade “óbvias”..

A 1ª semana operativa de setembro deve confirmar a manutenção do CMO (Custo Marginal de Operação) em patamares elevados (~R$520/MWh) e, consequentemente, a manutenção do PLD no preço “teto” (R$505,18/MWh) por mais uma semana, assim como a manutenção da Bandeira Vermelha 2 (+R$50/MWh) para o mês de setembro.

Os preços dos contratos de Ago/18 e Set/18 na BBCE já estão devidamente ajustados à expectativa de deságio em relação ao PLD (em razão da inadimplência existente) e, portanto, não sugerimos a formações de posições compradas nestes contratos.

Fatores de Risco |  Embora os preços elevados inibam a contratação de energia pelos consumidores, o que poderia afetar a liquidez do mercado, a manutenção de preços elevados por um período relativamente longo, combinado com a ausência de indicadores que apontem para a possibilidade de reversão deste cenário de afluência recessiva no curto prazo, podem contribuir para um aumento no volume de negócios.

De fato, ao longo da última semanas observamos um aumento expressivo da liquidez na BBCE – que passou de 221,6 MW médios (semana de 06 a 10/08), para 345,3 MW médios (semana de 13 a 17/08), para 269,5 MW médios nesta semana (20 a 24/08) e finalmente para 661,2 MW médios (27 a 30/08) -, o que deve implicar em um aumento significativo no custo médio de “carregamento” dos agentes, elevando o risco de perdas pesadas no caso de uma eventual e acentuada queda nos preços. 

Opções de Trade | Definitivamente o mercado encontra-se assimétrico, com raras opções de trade com risco/retorno adequados. Vemos os contratos para Set/18, Dez/18 e 4º Tri/18 já bem precificados e, portanto, sem “upside” algum, conforme pode ser observado na tabela de dispersão de preços abaixo.

No momento não há nenhum call óbvio (“Screaming BUY”), mas ainda há algum espaço para ganho nos contratos de Out/18 e Nov/18, principalmente se vier a se confirmar o quadro de afluência recessiva no submercado sudeste para os próximos dez dias.

Neste final de semana a Pontoon-e irá publicar a nova curva de preços futuros para o período de setembro/18 a julho/19, como também definir os oito contratos negociados na BBCE que serão acompanhados pela Pontoon-e e farão parte do Índice Pontoon-e de Energia.

Com base na curva de preços futuros projetado pela Pontoon-e e publicado no último dia 20/08 (https://pontoon-e.com/nova-curva-de-precos-pontoon-e-20-08/) estes contratos apresentam os seguintes lucros potenciais: (i) Nov/18: +R$52/MWh; e (ii) Out/18: +R$38/MWh.

Pontoon-e | Cotação BBCE vs. Projeções Pontoon-e (R$/MWh)  
 
Fonte: Pontoon-e e BBCE

Dispersão Preços: Pontoon-e vs. BBCE no dia 30/08 (R$/MWh)Fonte: Pontoon-e e BBCE


Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.