Sobradinho fica pronta em dezembro e vai gerar 1 megawatt de energia

A estatal de energia Chesf está construindo em Sobradinho, na Bahia, a maior usina solar flutuante das Américas em reservatório de hidrelétricas. A obra vai gerar energia a partir de uma potência de 1 MW (megawatts) e deverá ficar pronta já em dezembro.

A construção da usina solar flutuante integra um contrato de Pesquisa e Desenvolvimento firmado pela estatal Chesf, a estatal Cia Hidrelétrica do São Francisco, que é vinculada ao Ministério de Minas e Energia. A empresa que instala a usina flutuante no reservatório de Sobradinho é a Sunlution Geração de Energia.

Esse tipo de tecnologia de geração solar flutuante deverá ser bastante utilizada no Brasil principalmente em hidroelétricas que enfrentam problemas de redução dos níveis de água.

A aplicação deste tipo de captação de energia em larga em escala, nas hidroelétricas brasileiras, vai gerar energia limpa, renovável, mais barata e criará milhares de empregos qualificados em diversas regiões do Brasil.

Só no rio São Francisco há uma enorme ociosidade de infraestrutura de linhas de transmissão e subestações que não estão sendo utilizadas por falta d’água.

 

Fonte: Blog Vide Versus


 

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.