5 anos depois, a inadimplência da CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica) será resolvida – segundo fontes oficiais do 3 Poderes.

O clima é de “exultância”, afinal um abacaxi enorme deixará de existir.

Ainda que desde o princípio a CCEE tenha assegurado aos agentes de que devolveriam o dinheiro corrigido ficam as seguintes perguntas:

1°) E o custo real incorrido pelos agentes para cobrir este “buraco”?

A taxa de juros (acima da inflação) para captação de empréstimos nestes últimos 5 anos pode ser estimada em 10% ao ano – conservadoramente.

Em 5 anos, chega-se a mais de 60%. Ou seja o valor real desta inadimplência oficial é de R$ 14 Bilhões.

2°) O que a CCEE fará para que este problema não ocorra novamente?

O mercado deseja ter firmeza na resposta para que se sinta à vontade em fazer suas liquidações normalmente.

3°) Quem é o responsável que “assinará em baixo”?

Os dirigentes da CCEE tem poder e autonomia para – estatutariamente – assegurar a normalidade das liquidações?


USD 1.5 billion delinquency “unlocked” in August?

5 years later, the default of CCEE (Chamber of Commercialization of Electric Energy – the Brazilian power clearinghouse) will be resolved – according to official sources of the Legislative, Judiciary and Executive.

The climate is “exultant”, after all a huge problem will cease to exist.

Although from the beginning the CCEE has assured the agents that they would return their money adjusted for inflation, the following questions remain:

1 °) And the real cost incurred by the agents?

The interest rate (above inflation) for borrowing in the last 5 years can be estimated at 10% per year – conservatively.

In 5 years, it reaches more than 60%. In other words, the real value of this official default is USD 2.6 billion.

2 °) What will CCEE do to prevent this problem from occurring again?

The market wants a firm answer so that it feels comfortable making (again) its settlements normally.

3 °) Who is responsible?

Do CCEE managers have the power and autonomy to – statutorily – ensure normal settlements?


Gestao de

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *