No mercado livre os preços para entrega futura estão caindo sistemicamente. Devagarinho, de semana em semana.

Isto é bom ou ruim?

Para uma pequena minoria que precisa comprar energia (que falta para completar o volume consumido no mês a mês) a notícia é ótima. Para aqueles que precisam fechar um novo período contratual, não poderia ser melhor!

Para a grande maioria é péssimo:

1) Para vender excedentes (energia não consumida por clientes livres)

O preço recebido é muito menor que o contratado resultando em prejuízos importantes

2) Preço de energia a partir de novas usinas

Será inferior ao custo necessário para amortizar o investimento

Certamente estamos diante de um ponto de inflexão. Mais do que nunca valerá a pena abrir estudos para explorar, para cada caso, como enfrentar estes novos tempos. Conte comigo!


How much will power prices fall in Brazil?

In the deregulated power market, prices for future delivery are falling systematically. Slowly from week to week,.

Is this good or bad?

For a small minority that needs to buy energy it is great news! .But, for the vast majority it is a terrible situation:

1) To sell surpluses (energy not consumed by free customers)

The price received is a lot lower than the contracted price resulting in significant losses

2) Power prices out of new generating plants

Will be lower than the cost necessary to amortize the CAPEX investment

We are certainly facing an inflection point. More than ever it will be worthwhile to open studies to explore, for each case, how to face this situation.

Count on me!


 

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *