O Operador Nacional do Sistema (ONS) mostra que, durante a estiagem, os reservatórios das hidrelétricas ficam “estressados”. Resulta na necessidade de despacho das usinas térmicas para atender à toda a demanda.

Como a capacidade nominal dos reservatórios é pequena, o histórico em anos recentes mostra que as térmicas acabam sendo despachadas por alguns bons meses durante o ano.  Mas, o custo de produção de energia nas térmicas chega a ser quase o triplo do custo para as hidrelétricas.

A proposta que apresento  é a de estimular que os consumidores de energia elétrica utilizem outras fontes, como o gás ou energia solar por exemplo, em troca de um prêmio financeiro, bem “sexy”, designado em R$/MWh “substituídos”.

O ONS geraria um ganho importante, pois o custo do despacho do Sistema Integrado Nacional seria substancialmente inferior ao que seria incorrido caso não houvesse esta substituição proposta.

Ganha-ganha! Sem muita burocracia. Já tenho até imaginado como seria este contrato – quem desejar aprofundar este tema poderá entrar em contato para avançarmos!


Proposal to reduce power costs in Brazil 

The National System Operator (ONS) shows that, during the dry season, the hydroelectric reservoirs are “stressed”. Thermal plants are then dispatched to meet all demand.

Since the nominal capacity of the reservoirs is small, the history of recent years shows that the thermal power plants end up being dispatched for many months each year. The cost of  the thermal power plants is triple that of hydroelectric plants.

My suggestion is to come up with a program to encourage electricity consumers to use other sources, such as gas or solar, in exchange for a hefty financial reward.

The ONS would generate a significant gain since the cost to dispatch the National Integrated System would be substantially lower than would have been incurred in the absence of this proposed substitution.

Win-win situation! I have already imagined what this contract would be like. If you would like to explore these ideas make sure to get in touch!

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com