Segurança para fechar processos decisórios robustos requerem consistência com a realidade.

Qual é o preço justo, de equilíbrio “técnico”, que traz tranquilidade para fechar negócios sustentáveis, tanto para ofertantes como demandantes de energia?

Sempre aconselho meus clientes a considerarem o custo marginal da expansão como referencia. CME é um valor associado ao custo da energia produzida a partir de usinas a serem construídas, respeitando a matriz energética brasileira.

  • Investimento necessário é de R$ 4 200/kW tipicamente

  • Prazo de amortização do capital investido em 10 anos

  • Taxa de juros  incluindo risco do pais de 1,5% ao mês

  • Resulta amortização mensal de R$ 76/kW/mês

  • Referida a energia produzida equivale a R$ 150/MWh redondamente

  • 30% da matriz é térmica

  • Custo do combustível das térmicas é de R$ 200/MWh produzido

  • Custo de amortização e combustível (CME) é de R$ 150/MWh + (30% x R$ 200/MWh)

  • CME resulta em R$ 210/MWh

Se as ofertas de energia estiverem em torno de R$ 210/MWh há um equilíbrio, que merece ser considerado para fechamento de negócios.

Se as ofertas estiverem bem abaixo, a possibilidade do ofertante não conseguir honrar o contrato até o seu final.

Se as ofertas estiverem bem acima, a possibilidade de o demandante ficar fora de paridade competitiva em seu mercado.

Conclusão: valerá a pena analisar os preços de mercado mirando em sustentabilidade sistêmica.


Power prices (Brazil): tipping point

Security to close robust decision-making processes requires consistency with reality.

What is the right “technical” equilibrium price that brings peace of mind to closing sustainable deals for both energy providers and energy consumers?

I always advise my clients to consider the marginal cost of expansion as a reference. MCE is a value associated with the cost of energy produced from plants to be built, respecting the Brazilian energy matrix.

  • Required investment is R$ 4 200/kW typically

  • Amortization period of 10 years for the invested capital

  • Interest rate including country risk of 1.5% per month

  • Monthly amortization results of R$ 76/kW/month

  • Referring to the energy produced is equivalent to R$ 150/MWh

  • 30% of the country’s power matrix is ​​thermal

  • Fuel cost of the thermal plants is R$ 200/MWh produced

  • Amortization and fuel cost (CME) is R$ 150/MWh + (30% x R$ 200/MWh)

  • CME results in R$ 210/MWh (1 USD = R$ 4,1)

If energy offers are around R$ 210/MWh there is a balance, to justify closing deals.

If the offers are well below, the possibility of the supplier failing to honor the contract until its end.

If the offers are well above, the possibility of the client falling out of competitive parity in his market.

Conclusion: It will be worth analyzing market prices aiming at systemic sustainability.


 

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *