Considere as seguintes referências:

  • Custo marginal de operação, publicado pelo ONS, média anual de R$ 380/MWh
  • Tarifa Energia (TE) Eletropaulo, para cliente sub-grupo A4, média de R$ 275/MWh
  • Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição (TUSD) Eletropaulo, R$ 57/MWh
  • Custo (TE + TUD), de R$ 332/MWh
  • Bandeira Tarifária Anual equivalente de R$ 20/MWh
  • Custo tarifário total de R$ 352/MWh

Resumo da ópera: o custo tarifário total cobrado do consumidor, considerando as tarifas concedidas pela ANEEL é INFERIOR ao custo marginal de operação, publicado pelo ONS.

Em palavras mais simples e contundentes: a conta não fecha. O custo cobrado do cliente é inferior ao real incorrido no despacho das usinas.

O setor elétrico emite sinais contraditórios. Dificulta a tomada de decisões de longo prazo, para todos (ofertantes e demandantes de energia elétrica)


Power prices in Brazil: mixedg signals

Consider the following references:

  • Marginal cost of operation, published by ONS, annual average of R$ 380/MWh
  • Energy tariff (TE) Eletropaulo, for sub-group A4 , average of R$ 275/MWh
  • Wire fees  (TUSD) Eletropaulo, R$ 57/MWh
  • Cost (TE + TUD), R$ 332/MWh
  • Flag cost R$ 20/MWh
  • Total tariff cost of R$ 352/MWh

Summary: the total tariff cost charged, considering the tariffs granted by ANEEL (regulator) is LOWER than the marginal cost of operations, published by the ONS (ISO)

In layman’s words: there is no balance. The cost charged to the customer is lower than the actual cost incurred to dispatch the power plants.

The electrical sector emits contradictory signals. It makes it more difficult for long-term decisions.

Exchange rate considered: 1,00 USD = R$ 4,00


 

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *