Previsão de Carga

O comportamento da carga do SIN ao longo dos últimos meses vem refletindo sinais da retomada de crescimento em vários setores da economia, embora ainda tímidos. No mês de fevereiro, o desempenho da carga nos subsistemas Sudeste/Centro-Oeste e Sul também foi influenciado pelas baixas temperaturas verificadas nessas regiões, distorcendo o comportamento sazonal da carga nesse período.

A expectativa, para o mês de março/2018, é que a temperatura se mantenha dentro de padrões normais para a época do ano e que a recuperação da atividade econômica avance e se consolide gradualmente. As taxas de crescimento da carga prevista para os subsistemas Sudeste/CentroOeste e Sul no mês de março/2018, relativamente ao mesmo mês do ano anterior, de, respectivamente, 2,3% e 5,0%, refletem os fatores mencionados.

O crescimento da carga previsto para o subsistema Nordeste em março/2018, de 2,6%, está influenciado pela redução temporária da carga de um consumidor livre conectado na Rede Básica, que está parado desde meados de janeiro e cuja retomada de carga está prevista para ocorrer ao longo do mês de março. A taxa de crescimento da carga prevista para o subsistema Norte é de 4,5%.

Tabela 2 – Evolução da carga do PMO de Março/2018

Fonte: ONS


O conteúdo desta publicação foi produzido pelo ONS com base em dados e informações de conhecimento público. É de responsabilidade exclusiva dos agentes e demais interessados a obtenção de outros dados e informações, a realização de análises, estudos e avaliações para fins de tomada de decisões, definição de estratégias de atuação, assunção de compromissos e obrigações e quaisquer outras finalidades, em qualquer tempo e sob qualquer condição. É proibida a reprodução ou utilização total ou parcial do presente sem a identificação da fonte.

http://ons.org.br/AcervoDigitalDocumentosEPublicacoes/SUMARIO_EXECUTIVO_PMO_201803_RV3.pdf
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *