Preço da segunda semana de junho é fixado em R$ 42,35/MWh no Sudeste/Centro-Oeste, no Sul, no Nordeste e no Norte.

As afluências previstas para junho de 2019 estão em torno de 112% da MLT para o sistema: no Sudeste (107% para 100%); no Sul (236% para 191%); no Nordeste (59% para 53%); e no Norte (108% para 93%).

O fator de ajuste do MRE para o mês de junho de 2019 está estimado em 69,4%, com ESS de R$ 26 milhões para o período, sendo todo este valor referente às restrições operativas.

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças –PLD para a segunda semana de junho (8 a 14 de junho de 2019) foi fixado em R$ 42,35/MWh para todos os submercados.

A principal responsável pela permanência do PLD no valor mínimo foi a elevação da energia armazenada aliada com a redução da carga. Para junho de 2019, espera-se afluências em torno de 112% da média para o sistema, estando acima da média no Sul (191%). No caso do submercado Sudeste, estão previstas em 100% da MLT, ficando abaixo da média no Nordeste (53%) e no Norte (93%).

Para a próxima semana, a expectativa é que a carga prevista do SIN fique cerca de 570 MWmédios mais baixa, com redução esperada somente no Sul.

Os níveis dos reservatórios do SIN ficaram cerca de 1.250 MWmédios acima do esperado, influenciado pelos índices mais elevados no Sudeste (+ 820 MWmédios), no Sul (+ 475 MWmédios), no Nordeste (+ 50 MWmédios), com exceção do Norte (- 100 MWmédios).

O fator de ajuste do MRE para o mês de junho de 2019 foi revisto de 70,5% para 69,4%. Já o ESS previsto para junho de 2019 está em R$ 26 milhões, sendo em sua totalidade referente à restrição operativa.

A análise detalhada do comportamento do PLD pode ser encontrada no boletim InfoPLD, divulgado semanalmente no site da CCEE.

image.png
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *