Preço da segunda semana de março cai para R$ 164,36/MWh no Nordeste e permanece no mínimo de R$ 42,35/MWh no Norte

Expectativa de afluências mais otimistas para o Sudeste impacta na redução do PLD

Fator de ajuste do MRE previsto para março é de 139% com ESS em R$ 34 milhões para o período

 A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE informa que o Preço de Liquidação das Diferenças – PLD para o período entre 2 e 8 de março passou de R$ 339,46/MWh para R$ 251,81/MWh nos submercados Sudeste/Centro-Oeste e Sul, queda de 26%. No Nordeste, a redução alcançou 8% com o preço fixado em R$ 164,36/MWh, enquanto no Norte, o PLD segue no piso de R$ 42,35/MWh.

A melhora nas afluências esperadas para o Sudeste, estimadas em 95% da média histórica para março, é o principal motivo para a redução do PLD. As ENAs previstas para o Sistema também foram atualizadas positivamente, de 76% para 84% da média. A expectativa é que as afluências fiquem em 89% da média no Sul, 46% no Nordeste e em 76% da média histórica no Norte.

A carga prevista para a próxima semana deve ficar em torno de 300 MWmédios mais baixa, com redução esperada no Sul (-300 MWmédios), Nordeste (-50 MWmédios) e Norte (-60 MWmédios). No Sudeste, por sua vez, a carga deve registrar elevação de 110 MWmédios.

Já os níveis dos reservatórios do Sistema ficaram cerca de 750 MWmédios mais altos em relação ao esperado, com queda apenas no Sul (-400 MWmédios). Nos demais submercados, os níveis estão mais altos: Sudeste (+200 MWmédios), Nordeste (+600 MWmédios) e Norte (+350 MWmédios).

O fator de ajuste do MRE previsto para março foi revisto de 135,3% para 139%. O ESS esperado para o período é de R$ 34 milhões, sendo R$ 23 milhões referentes às restrições operativas e R$ 11 milhões referentes à reserva operativa de potência. A CCEE ressalta que considerando a atual conjuntura, esta previsão de encargos pode variar.

A análise detalhada do comportamento do PLD pode ser encontrada no boletim InfoPLD, divulgado semanalmente no site da CCEE.

image.png
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *