O Rio Open, maior evento de tênis da América do Sul e único da ATP no Brasil, será, pela primeira vez, neutro em emissões de CO2 por meio da cessão de crédito de carbono da ENGIE e de outras ações da organização do evento. A parceria compensará cerca de 1.080 toneladas de gases estufa, o que corresponde ao plantio de 6.600 mil árvores por ano.

Os créditos de carbono são gerados pela Usina Hidrelétrica de Jirau, Sociedade de Propósito Específico que tem como acionistas a ENGIE (40%), Eletrobras Eletrosul (20%), Eletrobras Chesf (20%) e Mizha Participações S.A. (20%).

As emissões do Rio Open foram estimadas considerando todas as etapas do evento, da montagem à desmontagem, o o deslocamento de atletas e equipe técnica e o consumo adicional da energia elétrica pelo Jockey Club Brasileiro durante o torneio, que acontece de 15 a 23 de fevereiro, no Rio de Janeiro. Ao final do evento, será feito o balanço final das emissões, chegando ao número efetivo da quantidade de CO2 a ser compensada.

A parceria inédita entre a ENGIE e o Rio Open contribui para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), segundo o CEO Maurício Bähr. “A ENGIE tem como estratégia global liderar a transição energética rumo a uma economia de baixo carbono. A parceria com o Rio Open segue essa linha e é muito relevante, tanto pelo tamanho e o impacto do evento, quanto pela visibilidade que ele gera para os ODS”, destaca.

O projeto integra o Rio Open Green, um plano de iniciativas verdes do torneio, que também inclui a gestão eficiente de resíduos, com redução, reciclagem e reutilização.

 Sobre o Rio Open

O Rio Open 2020 conta com patrocínio máster da Claro e patrocínio do Santander, Peugeot, HDi Seguros, Mubadala, Fedex, Emirates e Rolex. Também conta com as empresas Shell, ENGIE, Petra, Booking.com, Ortobom, Microsoft, Melitta, Prosegur, Zetaflex, Shopping Leblon, CopaGaz e Sextante. A Fila é a responsável pelo material esportivo e a Head é a fornecedora da bola oficial do evento.

O Sportv é a emissora oficial do Rio Open e transmite em HD todos jogos da quadra central para o Brasil e mais de 170 países através da ATP Media.

O evento é incentivado pela Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, através da Lei Federal de Incentivo ao Esporte e também pela Lei Estadual de ICMS do Governo do Rio de Janeiro por meio da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude.

O Rio Open é uma promoção da IMM com realização do ICT.


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *