Relembrando as propostas de governo dos candidatos à eleição 2018, observamos que os candidatos com melhor condições em desenvolver um bom plano, em relação aos assuntos relacionados à política econômica do setor energético, são os candidatos Marina Silva, Ciro Gomes e Geraldo  Alckmin:

Marina Silva (Rede)

Seus principais pontos de sustentação nessa área são: manutenção da Petrobras e Eletrobrás como estatais; mudança na política de preços da Petrobras e investimentos em biocombustíveis, como o biodiesel, para redução da dependência dos combustíveis fósseis.

Ciro Gomes (PDT)

Defende: expropriação dos contratos de áreas de partilha da produção licitados no governo Temer; manutenção da Petrobras como estatal; mudança na política de preços da Petrobras e manutenção da Eletrobrás como empresa estatal.

Geraldo Alckmin (PSDB)

Mantém:  política de preços para a Petrobras que proteja os consumidores; incluir tecnólogos nos quadros da Petrobras e manutenção da Petrobras como estatal.

Lula/Haddad (PT)

Lula vinha batendo em suas teclas anti –privatizações, que fatalmente Haddad irá manter: manutenção da Petrobras e Eletrobrás como estatais; retorno da operação única da Petrobras no pré-sal; fim do programa de desinvestimentos da Petrobras e retorno da política de conteúdo local.

Vamos ver quem vai manter estas propostas até o final e após eleito. Quem viver verá!


 

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *