Evento é realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)

O ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, defendeu nesta sexta-feira (23), a aprovação do Projeto de Lei 8939, que trata da cessão onerosa do pré-sal. “Temos que aprovar o projeto para que o próximo governo possa ter, o mais rápido possível, acesso a esses recursos, que são importantíssimos para o equilíbrio fiscal do País”, disse durante a entrega do Prêmio ANP de Inovação Tecnológica 2018 no Palácio Itamaraty, no centro da cidade do Rio de Janeiro.

O PL da cessão onerosa foi aprovado em junho pelo Plenário da Câmara dos Deputados e aguarda votação no Senado antes de ser sancionado pelo presidente da República.

O Prêmio ANP reconhece os resultados de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) desenvolvidos no Brasil por instituições e empresas com recursos da cláusula de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) dos contratos de exploração e produção.

A edição de 2018  premiou instituições credenciadas e empresas por projetos de Exploração e Produção de Petróleo e Gás; Transporte, Dutos, Refino, Abastecimento e Biocombustíveis; e Aumento do Fator de Recuperação de Petróleo e Gás.

Além dos vencedores em cada categoria, Kazuo Nishimoto recebeu das mãos de Moreira Franco o prêmio de Personalidade Inovação do Ano, em reconhecimento à contribuição para o desenvolvimento e inovação tecnológica no setor. O ministro também entregou a Virmondes Alves Pereira a menção honrosa do Prêmio ANP pela sua contribuição operacional para o setor.

Nishimoto é coordenador-geral do Tanque de Provas Numéricas (TPN), da Universidade de São Paulo (USP). O TPN simula sistemas oceânicos flutuantes que utilizados na exploração e produção de petróleo e gás e foi desenvolvido para fazer parte do Sistema Galileu da Petrobras. Virmondes Alves Pereira foi gerente-geral do Serviço de Poços na Petrobras, companhia onde trabalhou por 37 anos.

 

Fonte:  Assessoria de comunicação social do MME


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *