A plataforma permitirá a coleta, o armazenamento, a publicação e a divulgação de informações de forma dinâmica entre os órgãos, os agentes do setor de energia e a sociedade. Estão abrangidas informações sobre oferta e demanda de energia, dados de estrutura e instalações, recursos e reservas, preços de energéticos, de equipamentos de consumo, além de acesso a dados completos sobre eficiência energética e a séries históricas de estatísticas e indicadores, desde o ano de 1970 até os dias atuais.

O Secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do MME, Reive Barros, destacou a importância dos parceiros CAF e OLADE na viabilização do projeto. Afirmou que o SIE Brasil serve como referência para que também possa ser desenvolvido nos demais países da América Latina, e declarou: “Me parece que essa parceria OLADE/CAF, e agora também o MME, pode permitir a expansão em todos os países da América Latina e assim, do ponto de vista de informações energéticas, estaremos todos efetivamente integrados”.

O SIE, que é o fechamento de dois anos de trabalho, tem ainda como finalidade proporcionar suporte à gestão do MME em estudos de expansão de energia e às decisões de investidores. Já está disponível ao público em geral e para acessá-lo basta realizar o cadastro no endereço www.mme.gov.br/siebrasil.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *