Os contratos de energia negociados na BBCE encerraram o primeiro “pregão” de maio com forte valorização e significativo incremento no volume negociado, principalmente os contratos para entrega de energia em Maio, Junho e 2o Tri/18. Mais uma vez o fator determinante foi a divulgação dos mapas de precipitação para o próximo período (02/Mai a 11/Mai).

Na próxima semana a precipitação de fraca intensidade fica restrita ao sul e ao norte do Brasil, atingindo a bacia do rio Jacuí e pontos isolados do Uruguai e do Tocantins. Nas demais bacias hidrográficas de interesse do SIN o sistema de alta pressão mantém a condição de ausência de precipitação.

Em comparação com os valores estimados para a semana em curso, prevê-se para a próxima semana operativa, recessão nas afluências de todos os subsistemas, exceto para o subsistema Sul, que apresenta um leve aumento.

previsão mensal para maio indica a ocorrência de afluências abaixo da média histórica para todos os subsistemas, com exceção do subsistema Norte.

Mapa de Chuva: NCEP/GEFS & INPE/CPTEC (02/Maio a 11/Maio)

Volume de energia negociado volta a registrar forte alta

Considerando apenas os contratos acompanhados pela Pontoon-e (Mai, Jun, Jul, Ago, 2o Tri, 3o Tri, 4o Tri e 2o Sem) negociados na BBCE, o volume de energia negociada totalizou 279,3 MW médios no dia 02 de maio, mostrando forte crescimento em relação ao último dia de abril quando foram negociados 192,2 MW médios. Este incremento no volume de negócios está diretamente atrelado à definição de uma nova faixa de preço pelo mercado, após o recálculo do PLD com as novas premissas de hidrologia.

O volume do dia 02 também ficou acima da média observada na semana anterior ~129,3 MW médios. No gráfico abaixo apresentamos a evolução do volume de energia negociada nos últimos pregões na BBCE:

Fonte: BBCE & Pontoon-e

Contratos de Maio e Junho registraram alta de +14,3% e +15,9%

Pelo segundo “pregão” consecutivo os contratos para entrega de energia em Maio, Junho e 2o Tri. registraram forte elevação.

O contrato para entrega de energia em Maio apresentou alta de +14,3% (R$263,00/MWh) e volume negociado recorde de 139,7 MW médios, mostrando forte demanda por parte dos agentes.

O contrato para entrega de energia em Junho também foi destaque positivo do dia, registrando valorização de +15,9% (R$240,00/MWh) e volume negociado de 115,5 MW médios (48 MW médios no dia anterior).

BBCE: Preço dos Contratos de Energia Negociados (R$/MWh)Fonte: BBCE & Pontoon-e


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *