A Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE realizaram nesta sexta-feira (6/12), em São Paulo, os Leilões de Energia Existente A-1 e A-2 de 2019, com negociação de 29 MW médios para fornecimento entre 1º de janeiro de 2020 e 31 de dezembro de 2021 e 279 MW médios entre 1º de janeiro de 2021 e 31 de dezembro de 2022. Ao todo, foram negociados R$ 918,9 milhões.

O Leilão de Energia Existente A-1 negociou energia ao preço médio de R$ 158,37/MWh, com deságio de 16,65% em relação preço-teto estabelecido, de R$ 190,00/MWh.

No Leilão de Energia Existente A-2, o preço médio ficou em R$ 171,52/MWh, alcançando deságio de 9,7%. Quatro empreendimentos térmicos a gás natural negociaram energia no certame, sendo três localizados no Maranhão e um em Minas Gerais.

Os certames tiveram como objetivo a venda de energia elétrica proveniente de empreendimentos existentes para suprir as necessidades de distribuidoras que atendem o consumidor final.

Os resultados completos estão disponíveis aqui.


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *