O Parque Tecnológico Itaipu incuba diferentes projetos de inovação; além disso, empresa é uma das referências em projetos de veículos elétricos.

Após 45 anos de constituição formal e 35 de operação, a maior geradora de energia do mundo não parou no tempo. Pelo contrário: Itaipu é um centro de inovação, com desenvolvimento de pesquisa constante, tornando-se pioneira na implementação de novas ferramentas para o funcionamento da usina e para a melhor utilização da energia por ela gerada. Para fortalecer suas ações nesse sentido, a Binacional criou o Parque Tecnológico Itaipu (PTI), onde são desenvolvidos os grandes projetos de inovação para o mercado interno e externo.

Contudo, a empresa não investe apenas em melhorias e inovação voltando a sua própria eficiência. Um dos exemplos é o Programa Veículo Elétrico, que colocou a Itaipu na vanguarda das pesquisas em mobilidade elétrica no Brasil. O objetivo é pesquisar soluções que sejam técnica e economicamente viáveis, analisar seus impactos no sistema elétrico nacional e contribuir com novas tecnologias que minimizem os impactos ambientais no setor de transportes.”

Veículo Elétrico

O Programa Veículo Elétrico (VE) é resultado de uma parceria inicialmente firmada entre a Itaipu e a KWO (Kraftwerke Oberhasli AG), que controla usinas hidrelétricas na região dos Alpes, na Suíça. O acordo foi formalizado em 2006 e finalizado em 2016, mas o projeto segue com outros parceiros. O objetivo é pesquisar soluções de mobilidade elétrica que sejam técnica e economicamente viáveis, analisar seus impactos no sistema elétrico nacional e contribuir com novas tecnologias que minimizem os impactos ambientais no setor de transportes.

Nos primeiros anos do projeto VE, mais de 80 protótipos saíram do Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Montagem de Veículos Elétricos (CPDM-VE), construído dentro de Itaipu. Hoje há parcerias com montadoras como Renault e Fiat para a produção de automóveis elétricos.

Além do transporte individual, o Programa VE busca soluções para transporte de carga e de passageiros. Surgiu dessa preocupação o primeiro caminhão elétrico da América Latina, em parceria com a Iveco – braço da Fiat para veículos pesados –, lançado em agosto de 2009. Na sequência, o Programa VE desenvolveu o primeiro ônibus 100% elétrico do País e o primeiro ônibus híbrido, movido a eletricidade e a etanol.

Em 2014, outros três protótipos de ônibus 100% elétrico foram desenvolvidos pela equipe do VE, com potência três vezes maior que o primeiro modelo, além de recursos como freios ABS, portas elétricas, ar-condicionado e rede Wi-Fi.

O avião elétrico

Em junho de 2015, Itaipu e a empresa ACS Aviation, de São José dos Campos (SP), colocaram no ar o primeiro avião elétrico tripulado da América Latina. O voo histórico ocorreu na pista do aeroporto da Binacional, na margem paraguaia da usina. O interesse do Programa VE neste segmento é aprofundar os estudos sobre materiais compostos utilizados nas aeronaves, considerados fundamentais para a redução de peso dos veículos elétricos.”

Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/gpbc/itaipu/inovacao-constante/

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *