Com o objetivo de desenvolver o mercado de capitais brasileiro, como também de reforçar o seu comprometimento com a sustentabilidade, a B3 passa a dar visibilidade aos títulos verdes em seus sistemas, os chamados “green bonds”. Segundo informou a B3, as empresas que tiverem títulos certificados como verdes, passarão a ser identificados pela própria B3.

jplenio / Pixabay

O que são “green bonds”?

Os denominados “green bonds” (títulos verdes), são na verdade títulos de dívida usados para captar recursos com o objetivo de implantar ou refinanciar projetos e compra de ativos capazes de trazer benefícios ao meio ambiente ou ainda contribuir para amenizar os efeitos das mudanças climáticas.

Entre os títulos que se enquadram nesses parâmetros estão debêntures, debêntures de infraestrutura, Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA), Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI) e Cotas de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC).

Com os títulos verdes o emissor ganha a possibilidade de diversificar e ampliar sua base de investidores atraindo, além de interessados nessa agenda, fundos que possuem mandados específicos para comprar papeis ou títulos que tenham objetivos sustentáveis. Outro aspecto não menos importante é o denominado “ganho reputacional”, uma vez que projetos verdes trazem cada vez mais visibilidade para a empresa, pois reafirmam seus compromissos com a agenda socioambiental.

What are green bonds

Fonte: The World Bank

Títulos Verdes

Fonte: Sequestrar Carbono

B3 & Green Bonds

De acordo com Fabio Zenaro, diretor de Produtos de Balcão, Commodities e Novos Negócios da B3, esse é o primeiro passo dado não apenas para entender esse mercado, mas principalmente para sentir o apetite do investidor brasileiro para os “Green Bonds”.

“Como costumamos dizer, sustentabilidade é negócio e deve ser atrelada a oportunidades e riscos.

Com essa iniciativa, oferecemos ao mercado brasileiro a oportunidade de identificar esses títulos, atraindo investidores interessados em diversificar seus portfolios, com títulos atrelados à responsabilidade socioambiental”, afirma Sonia Favaretto, diretora de Comunicação, Imprensa, Sustentabilidade e Investimento Social.

Fonte Original: Último Instante

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *