Home>Price & Strategy>Clima>Fevereiro termina com umidade alta e mais chuva em SP
Clima Price & Strategy

Fevereiro termina com umidade alta e mais chuva em SP

Climatempo |

Acesse a notícia original aqui.

Fevereiro está terminando com uma grande quantidade de ar úmido e quente sobre o estado de São Paulo. As condições para pancadas de chuva permanecem em todas as áreas paulistas durante esta quarta-feira (28).

Todo o estado de São Paulo continua recebendo muito ar úmido e quente vindo do centro-norte do Brasil, e por isso, nuvens bastante carregadas voltam a se formar provocando mais temporais. A quarta-feira terá condições típicas de verão com ar abafado e risco de chuva forte. 

Grande São Paulo, o interior paulista e o litoral continuam com muitas nuvens e alguns períodos de mormaço. A previsão é de mais pancadas de chuva acompanhadas por raios e que acontecem principalmente durante à tarde e a noite.

Confira aqui as temperaturas para os próximos dias na cidade de São Paulo.

Como está o volume de chuva na capital

A chuva intensa que caiu sobre a capital paulista na tarde e noite da última segunda-feira (26) acumulou 73,1 mm na estação convencional do Instituto Nacional de Meteorologia, no Mirante de Santana, na zona norte. Foi a maior quantidade de chuva na cidade no período de  24 horas registrada este ano e desde o início de abril de 2017. O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo (CGE) chegou a registrar 27 pontos de alagamento no total.

O total acumulado de chuva desde o começo do mês subiu para 102,2 mm até às 17 horas desta terça-feira (27)O volume ainda está 57% abaixo da média histórica de fevereiro, que é de aproximadamente 236 mm pelo INMET.

Primeiros dias de março

O mês de março ainda vai começar com condições típicas de verão em todo o estado de São Paulo. Os primeiros dias prometem ar abafado, mais pancadas de chuva e risco de chuva de moderada à forte intensidade por todas as áreas paulistas.

Veja também: 

São Paulo tem maior chuva em 24h desde o início de abril desde 2017 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *