O leilão para fornecimento de energia em Roraima fechou com o lance vencedor de R$ 833/MWh.

As tarifas reguladas, concedidas pela ANEEL para a concessionária local, estão na faixa de R$ 400/MWh considerando um caso típico de uma empresa conectada em média tensão.

Evidentemente – subsídios viabilizam a diferença. Nada de novo. Sempre foi assim!

A situação da Venezuela é crítica há muitos anos. Importar energia daquele país sempre foi um
risco grande.

Se tivermos interesse e criatividade em planejar podermos sim virar a mesa, contratando energia bem mais em conta, evitando os subsídios em benefício de todos os brasileiros. Assim automaticamente seríamos forçados a buscar situações virtuosas.


Energy: Brazilian idiosyncrasies

The auction for energy supply in Roraima closed with the winning bid of R$ 833/MWh (USD 210/MWh)

Regulated tariffs, granted by ANEEL to the local concessionaire, are in the range of R$ 400/MWh considering a typical case of a medium voltage connected company.

Obviously – subsidies enable the difference. Nothing new. It has always been like that!

The situation in Venezuela has been critical for many years. Importing energy from that country has always been a huge risk.

If we are interested and creative in planning, we will be able to turn around this situation avoiding subsidies for the benefit of all Brazilians.


 

Compartilhe:
Rafael Herzberg
Rafael Herzberg é consultor independente para assuntos de energia por mais de 30 anos. Premiado no Brasil e Estados Unidos por cases de eficiência energética, geração on-site e projetos to-the-fence. Palestrante no Brasil e Estados Unidos em eventos de energia. Presta consultoria para clientes consumidores de energia (indústria, comércio e instituições), ofertantes de soluções em energia, concessionárias e comercializadores de energia além de ser convidado para atuar em casos de arbitragem de contratos de energia.
http://pontoon-e.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *