Depois de adiamento, Ceal de Alagoas será arrematada nesta sexta-feira,28.

As empresas Equatorial, Energisa e Neoenergia devem brigar pela distribuidora.

O leilão da distribuidora da Eletrobras no estado de Alagoas, Ceal, deverá ocorrer nesta sexta-feira , 28/12, no final do último dia útil de 2018, às 17h, na sede da B3, em São Paulo. A disputa estava inicialmente programada para a quarta-feira passado 19/12, mas foi adiada em razão de solicitação dos investidores, que pediram mais tempo para analisar as informações do ativo antes da licitação.

Este será o último leilão de distribuidoras da Eletrobras, que, neste ano, já conseguiu vender as outras cinco subsidiárias que restavam na estatal elétrica, nos estados de Piauí, Acre, Rondônia, Roraima e Amazonas.

O sucesso deste evento de privatização será um marco para a gestão do presidente Wilson Ferreira Júnior, que desde 2016 promove uma série de medidas para reduzir o nível de endividamento da Eletrobras.

A expectativa no mercado é que o leilão da Ceal atraia concorrência, já que o ativo é considerado um dos menos problemáticos entre aqueles colocados à venda pela estatal. A empresa deverá ser vendida pelo preço simbólico de R$ 50 mil.

A vencedora do certame também terá de se comprometer a fazer um aumento de capital social na distribuidora de ao menos R$ 545,8 milhões. Grandes empresas do ramo de energia elétrica como Equatorial, Energisa e Neoenergia são apontadas por analistas do mercado como potenciais interessadas.

Vamos aguardar o resultado. Quem viver verá!


 

 

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *