O PDV ocorre em meio ao processo de privatização de seis distribuidoras, para focar em novos investimentos

Presente num evento em São Paulo, ontem, 10/9, o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Jr, declarou à imprensa que a estatal planeja reduzir seu quadro de funcionários em cerca de 2,4 mil pessoas como parte de seu Plano de Demissão Voluntária – PDV-  a partir de outubro.

O plano de desligamentos acontece em meio ao processo de privatização de seis distribuidoras da estatal, do qual quatro já foram leiloadas. Pensando em liberar recursos para focar nos investimentos necessários, adoção de novas tecnologias e outras melhorias, o objetivo também é reduzir o endividamento da companhia e reequilibrar suas finanças, que fecharam 2017 com um prejuízo de R$ 1,72 bilhão.

Atualmente a capacidade de investimentos da Eletrobras é muito baixa frente as demandas de um segmento que precisa se modernizar com urgência.

No início do ano, a estatal havia anunciado a aprovação do PDV nas subsidiárias Eletrobras Cepel, CGTEE, Chesf, Eletronuclear, Eletronorte, Amazonas GT, Eletrosul e Furnas, além da própria Eletrobras.

 

Fonte: G1

https://g1.globo.com/economia/noticia/2018/09/10/eletrobras-planeja-desligar-cerca-de-24-mil-funcionarios-em-pdv-a-partir-de-outubro.ghtml


 

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *