O Comitê de Finanças e Tributação do Brasil aprovou nesta quarta-feira o Projeto de Lei 6325/16, do deputado Pedro Uczai (PT-SC), que determina que o poder público incentive, por meio de linhas de crédito diferenciadas, a compra de equipamentos rurais que utiliza energia renovável (solar, eólica ou biomassa). Como a Agência de Notícias da Câmara dos Deputados do Brasil tornou público, o incentivo deve se concentrar, em particular, na agricultura familiar.

O projeto, que modifica a atual Lei da Agricultura, foi divulgado pelo deputado Sergio Souza (MDB-PR), que recomendou a aprovação do incentivo às energias renováveis. “Essas são opções ambientalmente corretas que certamente podem contribuir para aumentar a produtividade agrícola de forma sustentável”, afirmou.

Atualmente, a política agrícola prioriza a construção de pequenas usinas hidrelétricas e termoelétricas, atividades de eletrificação rural e programas de energia florestal, entre outros.

Imagem: Instituto de Desenvolvimento Agropecuário (Indap)


 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *