BRASÍLIA, 7 Jan (Reuters) – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) precisa rever seu balanço e reduzir dependência de recursos do Tesouro, que ainda é exagerada, disse o novo presidente da instituição de fomento, Joaquim Levy, nesta segunda-feira.

Poswiecie / Pixabay

“Estamos na ante sala de um novo ciclo de investimentos, com economia mais aberta…estamos ajustando todo o balanço do banco, precisamos repensar a maneira de trabalhar para podermos otimizar nossa balanço que hoje depende em proporção exagerada de recursos do Tesouro”, disse Levy durante cerimônia de posse em Brasília.

“Depende de forma menos exagerada que quatro anos atrás de recursos do Tesouro e isso que ser adequado para se ter um retorno adequado para o capital da população”, acrescentou Levy.

Fonte Original: Reuters
Autor: (Ricardo Brito e Marcela Ayres, texto de Alberto Alerigi Jr.,)

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *