A Agência Nacional de Energia Elétrica negou em despacho publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 4 de julho, o pedido feito pela Companhia Energética Sinop para repactuação do risco hidrológico. A UHE Sinop tem 400 MW de potência e está localizada no estado do Mato Grosso. A usina foi viabilizada no leilão A-5 de 2013 e está sendo construída pela Eletrobras em parceria com a francesa EDF.

A repactuação pedida pela CES valeria para o risco hidrológico a partir de 2019, mas ela queria que fossem levados em consideração os valores de prêmio constantes da resolução 784/2017 e não da 805/2018, que ainda não estava vigente em dezembro de 2017. De acordo com a agência, como poderá haver a adesão de geradores em anos futuros e que a quantidade e a qualidade da informação para o cálculo dos prêmios vão aumentar com o histórico disponível, ela pode recalcular os valores dos riscos das novas adesões.

Por conta disso, ela decidiu negar o pedido de repactuação da hidrelétrica e deu prazo até 30 de setembro de 2018 para que ele possa ser feito com base na resolução pertinente.


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *